Guia de Exames do Tiezzi

ANTI - BETA 2 GLICOPROTEINA
Código do Exame:
b2glico
CBHPM:
5.03.00.19-2
Sinônimos:
Anti Beta-2-Glicoproteína 1, IgG e IgM

Produção do Exame

Tipo do Material:
soro manual
Volume:
3,0 ml
Temperatura:
Refrigerado
Prazo do Resultado:
4 dias
Método:
Fluoroenzimaimunoensaio

* Para exames com prazo informado em dias, este será considerado em dias úteis. Considerar o prazo a partir do recebimento da amostra no Núcleo Técnico Operacional (NTO). Amostras recebidas após as 17 horas terão os prazos iniciados no dia útil posterior

Instruções

Informações de preparo e coleta:
*Jejum não obrigatório. Orientações de coleta: 1 - Coletar amostra em tubo gel; 2 - Aguardar 30 min para retração do coagulo; 3 - Realizar a centrifugação em 3.200 RPM por 12 min; 4 - Encaminhar amostra sob refrigeração, de 2ºC a 8ºC.

Interpretação

Interpretação do exame:
A síndrome dos anticorpos antifosfolípideos (SAF) é uma desordem autoimune na qual os autoanticorpos são dirigidos contra complexos de fosfolipídeos/proteínas. A beta2-gpI (ou apoliproteína H) é cofator fosfolipídico com características anticoagulantes naturais. A SAF é caracterizada pela presença dos anticorpos antifosfolípideos em pelo menos duas ocasiões distintas, em episódios tromboembólicos, perdas fetais recorrentes, partos prematuros por pré-eclâmpsia ou insuficiência placentária, dentre outras manifestações clínicas. Comprovou-se também a presença da beta2-gpI na placa aterosclerótica. Indicações: Tromboses vasculares, perdas fetais recorrentes, prolongamento inexplicável do PTTa em paciente assintomático, trombocitopenia, mielite transversa, anemia hemolítica, microangiopatia trombótica renal e hipertensão renal, presença de endocardite, livedo reticularis, LES dentre outras. Interpretação clínica: Utilizado como opção diagnóstica no caso de pacientes com suspeita de SAF em que outros ensaios tenham sido negativos, ou inicialmente nos casos de forte suspeita de SAF. Portanto, níveis de IgG e/ou IgM maior do que 10 U/mL, em duas ocasiões distintas com pelo menos 12 semanas de intervalo seriam sugestivos dessa doença. . Anti-beta2-gpI podem ser observados em aproximadamente 35% dos casos de LES isolado, e 40% dos casos de SAF associada ao LES. Seu valor preditivo positivo (VPP) para SAF é de quase 40%. Sugestão de leitura complementar: Jaskowski TD, Wilson AR, Hill HR, Branch WD, Tebo AE. Autoantibodies against phosphatidylserine, prothrombin and phosphatidylserine-prothrombin complex: identical or distinct diagnostic tools for antiphospholipid syndrome? Clin Chim Acta 2009; 410 (1-2): 19-24. Smock KJ, Rodgers GM. Laboratory identification of lupus anticoagulants. Am J Hematol 2009; 84 (7): 440-42.

Guia de Exames do Tiezzi

ANTI - BETA 2 GLICOPROTEINA
Código do Exame:
b2glico
CBHPM:
5.03.00.19-2
Sinônimos:
Anti Beta-2-Glicoproteína 1, IgG e IgM

Produção do Exame

Tipo do Material:
soro manual
Volume:
3,0 ml
Temperatura:
Refrigerado
Prazo do Resultado:
4 dias
Método:
Fluoroenzimaimunoensaio

* Para exames com prazo informado em dias, este será considerado em dias úteis. Considerar o prazo a partir do recebimento da amostra no Núcleo Técnico Operacional (NTO). Amostras recebidas após as 17 horas terão os prazos iniciados no dia útil posterior

Instruções

Informações de preparo e coleta:
*Jejum não obrigatório. Orientações de coleta: 1 - Coletar amostra em tubo gel; 2 - Aguardar 30 min para retração do coagulo; 3 - Realizar a centrifugação em 3.200 RPM por 12 min; 4 - Encaminhar amostra sob refrigeração, de 2ºC a 8ºC.

Interpretação

Interpretação do exame:
A síndrome dos anticorpos antifosfolípideos (SAF) é uma desordem autoimune na qual os autoanticorpos são dirigidos contra complexos de fosfolipídeos/proteínas. A beta2-gpI (ou apoliproteína H) é cofator fosfolipídico com características anticoagulantes naturais. A SAF é caracterizada pela presença dos anticorpos antifosfolípideos em pelo menos duas ocasiões distintas, em episódios tromboembólicos, perdas fetais recorrentes, partos prematuros por pré-eclâmpsia ou insuficiência placentária, dentre outras manifestações clínicas. Comprovou-se também a presença da beta2-gpI na placa aterosclerótica. Indicações: Tromboses vasculares, perdas fetais recorrentes, prolongamento inexplicável do PTTa em paciente assintomático, trombocitopenia, mielite transversa, anemia hemolítica, microangiopatia trombótica renal e hipertensão renal, presença de endocardite, livedo reticularis, LES dentre outras. Interpretação clínica: Utilizado como opção diagnóstica no caso de pacientes com suspeita de SAF em que outros ensaios tenham sido negativos, ou inicialmente nos casos de forte suspeita de SAF. Portanto, níveis de IgG e/ou IgM maior do que 10 U/mL, em duas ocasiões distintas com pelo menos 12 semanas de intervalo seriam sugestivos dessa doença. . Anti-beta2-gpI podem ser observados em aproximadamente 35% dos casos de LES isolado, e 40% dos casos de SAF associada ao LES. Seu valor preditivo positivo (VPP) para SAF é de quase 40%. Sugestão de leitura complementar: Jaskowski TD, Wilson AR, Hill HR, Branch WD, Tebo AE. Autoantibodies against phosphatidylserine, prothrombin and phosphatidylserine-prothrombin complex: identical or distinct diagnostic tools for antiphospholipid syndrome? Clin Chim Acta 2009; 410 (1-2): 19-24. Smock KJ, Rodgers GM. Laboratory identification of lupus anticoagulants. Am J Hematol 2009; 84 (7): 440-42.

Guia de Exames do Tiezzi