Guia de Exames do Tiezzi

ANTI - CITOPLASMA DE NEUTRÓFILOS
Código do Exame:
anca
CBHPM:
4.03.06.40-2
Sinônimos:
Anti mieloperoxidase - c-Anca , P-Anca , C-Anca

Produção do Exame

Tipo do Material:
soro manual
Volume:
1,0 mL
Temperatura:
Refrigerado
Prazo do Resultado:
5 dias
Método:
Ver valor de referência

* Para exames com prazo informado em dias, este será considerado em dias úteis. Considerar o prazo a partir do recebimento da amostra no Núcleo Técnico Operacional (NTO). Amostras recebidas após as 17 horas terão os prazos iniciados no dia útil posterior

Instruções

Informações de preparo e coleta:
Preparo: - Jejum não necessário Recipiente: Tubo seco ou gel separador (amarelo); Coleta: Realizar coleta utilizando material e recipiente adequados. Aguardar 30 min para retração completa do coágulo. Centrifugar a amostra a 3200 rpm por 12 minutos e acondicionar corretamente.

Interpretação

Interpretação do exame:
Anticorpos anticitoplasma de neutrófilos (ANCA) são autoanticorpos heterogêneos que reagem com múltiplos antígenos citoplasmáticos localizados nos grânulos azurófilos primários dos neutrófilos e nos lisossomos de monócitos. São denominados como c-ANCA quando o antígeno alvo é a proteinase e, como p-ANCA quando o antígeno alvo é a mieloperoxidase e estão associados as Vasculites. Indicação: Como testes de triagem em casos suspeitos de vasculite associada aos anticorpos anticitoplasma de neutrófilos e no monitoramento do tratamento. Interpretação clínica: Aproximadamente 86% dos pacientes com um padrão de Imunofluorescência para c-Anca tem anticorpos específicos para a proteinase 3 (PR3), sendo considerado como marcador específico da Granulomatose de Wegner. Aproximadamente 90% dos pacientes com um padrão de Imunofluorescência para p-Anca têm anticorpos específicos para mieloperoxidase (MPO), podendo ser encontrado em pacientes com poliangiites microscópicas. Em ambos os casos, sua presença deve ser valorizada sempre que existir correlação clínica. Sugestão de leitura complementar: Jennette JC, Falk RJ, Bacon PA, Basu N, Cid MC, Ferrario F, Flores-Suarez LF, Gross WL, Guillevin L, Hagen EC, Hoffman GS, Jayne DR, Kallenberg CG, Lamprecht P, Langford CA, Luqmani RA, Mahr AD, Matteson EL, Merkel PA, Ozen S, Pusey CD, Rasmussen N, Rees AJ, Scott DG, Specks U, Stone JH, Takahashi K, Watts RA. 2012 revised International Chapel Hill Consensus Conference Nomenclature of Vasculitides. Arthritis Rheum. 2013; 65 (1) :1-11. Berden A, Goceroglu A, Jayne D, Luqmani R, Rasmussen N, Bruijn JA, Bajema I. Diagnosis and management of ANCA associated vasculitis. BMJ. 2012; 344 :e26-.

Guia de Exames do Tiezzi

ANTI - CITOPLASMA DE NEUTRÓFILOS
Código do Exame:
anca
CBHPM:
4.03.06.40-2
Sinônimos:
Anti mieloperoxidase - c-Anca , P-Anca , C-Anca

Produção do Exame

Tipo do Material:
soro manual
Volume:
1,0 mL
Temperatura:
Refrigerado
Prazo do Resultado:
5 dias
Método:
Ver valor de referência

* Para exames com prazo informado em dias, este será considerado em dias úteis. Considerar o prazo a partir do recebimento da amostra no Núcleo Técnico Operacional (NTO). Amostras recebidas após as 17 horas terão os prazos iniciados no dia útil posterior

Instruções

Informações de preparo e coleta:
Preparo: - Jejum não necessário Recipiente: Tubo seco ou gel separador (amarelo); Coleta: Realizar coleta utilizando material e recipiente adequados. Aguardar 30 min para retração completa do coágulo. Centrifugar a amostra a 3200 rpm por 12 minutos e acondicionar corretamente.

Interpretação

Interpretação do exame:
Anticorpos anticitoplasma de neutrófilos (ANCA) são autoanticorpos heterogêneos que reagem com múltiplos antígenos citoplasmáticos localizados nos grânulos azurófilos primários dos neutrófilos e nos lisossomos de monócitos. São denominados como c-ANCA quando o antígeno alvo é a proteinase e, como p-ANCA quando o antígeno alvo é a mieloperoxidase e estão associados as Vasculites. Indicação: Como testes de triagem em casos suspeitos de vasculite associada aos anticorpos anticitoplasma de neutrófilos e no monitoramento do tratamento. Interpretação clínica: Aproximadamente 86% dos pacientes com um padrão de Imunofluorescência para c-Anca tem anticorpos específicos para a proteinase 3 (PR3), sendo considerado como marcador específico da Granulomatose de Wegner. Aproximadamente 90% dos pacientes com um padrão de Imunofluorescência para p-Anca têm anticorpos específicos para mieloperoxidase (MPO), podendo ser encontrado em pacientes com poliangiites microscópicas. Em ambos os casos, sua presença deve ser valorizada sempre que existir correlação clínica. Sugestão de leitura complementar: Jennette JC, Falk RJ, Bacon PA, Basu N, Cid MC, Ferrario F, Flores-Suarez LF, Gross WL, Guillevin L, Hagen EC, Hoffman GS, Jayne DR, Kallenberg CG, Lamprecht P, Langford CA, Luqmani RA, Mahr AD, Matteson EL, Merkel PA, Ozen S, Pusey CD, Rasmussen N, Rees AJ, Scott DG, Specks U, Stone JH, Takahashi K, Watts RA. 2012 revised International Chapel Hill Consensus Conference Nomenclature of Vasculitides. Arthritis Rheum. 2013; 65 (1) :1-11. Berden A, Goceroglu A, Jayne D, Luqmani R, Rasmussen N, Bruijn JA, Bajema I. Diagnosis and management of ANCA associated vasculitis. BMJ. 2012; 344 :e26-.

Guia de Exames do Tiezzi